Encalhados no Abrigo

Durante a nossa experiência com o cotidiano do abrigo sempre percebemos que alguns animais acabam ficando muito tempo no abrigo. Às vezes até a vida toda.

Quando aparece um gato velho, um cachorro de grande porte ou uma ninhada de filhotes sabemos que provavelmente algum dos filhotes vai ficar para trás e não será adotado. É uma triste realidade!


Alguns animais acabam encalhando no abrigo. Existem vários motivos que atrapalham a sua adoção como a aparência, pois infelizmente animais sem raça definida (SRD) ainda não são a preferência da população, a idade ou até mesmo a cor. Filhotes tem mais chances de adoção e os nossos adultos ficam esperando com poucas chances de achar uma família.


Como convivemos diariamente com nossos animaizinhos sabemos o quanto são especiais. Por isso decidimos escrever uma matéria para dar destaques aos nossos injustiçados e mostrar a vocês que eles também merecem um lar.


Quem sabe, fazendo com que as pessoas conheçam mais os nossos queridos “encalhados” alguém se apaixonem por eles e assim podemos mudar a realidades deles.


Não é difícil se apaixonar por esses animais!


Muitos dos nossos gatinhos e cachorrinhos que vocês vão ver nessa matéria estão a anos no abrigo esperando por uma família. Pedimos a vocês que compartilhem para que eles possam ter mais chances de finalmente conseguir a tão esperada família.


Agora vamos deixar que cada um deles se apresente e conte a sua história, cada um do seu jeitinho.


Os Cachorros Encalhados no Abrigo




Pipoca - Cachorro, fêmea

No Patinhas desde Julho de 2018


Olá pessoal lindo! Eu sou a Pipoca, uma cachorrinha cheia de vida e alegria.


Sabem amigos eu fui abandonada há muitos anos atrás. Me deixaram amarrada a uma árvore. As tias do abrigo passaram e me virão quietinha dormindo toda encolhida debaixo da árvore. Assim, me levaram para o abrigo. Desde então eu vivo aqui no Patinhas Carentes a espera de uma família.


Sou uma cachorrinha muito feliz. Eu amo correr, passear na rua e adoro carinho. Eu sempre coloco a cabeça nas pessoas pedindo carinho, mas infelizmente, por ser uma cachorra de porte médio/grande, ninguém quer me adotar.


Sou super meiga e dengosa. Às vezes quando não conheço a pessoa fico um pouco desconfiada, mas depois que eu conheço me torno a melhor amiga. Ah… também amo brincar de bolinha. Você joga e eu vou correndo pegar, mas não vou deixar você pegar a minha bolinha não! Vou fazer você correr muito atrás…rsrsrs. Prometo que sou uma gracinha de cachorrinha.



Sabia que eu sou a cachorrinha fêmea mais antiga aqui no abrigo? Isso mesmo! Eu sou a cachorrinha que está aqui há mais tempo. Isso me deixa triste, porque muitos dos meus amigos já foram adotados e eu sigo aqui sozinha.


Eu juro que não tem nadinha de errado comigo. Sou uma boa menina. Amei poder aparecer aqui e quem sabe, assim o dia tão sonhado da minha adoção finalmente chegue.



Bravina & Bryan - Mãe e Filho

No Patinhas desde Janeiro de 2019


Ei galerinha! Eu me chamo Bravina e eu vou falar por mim e pelo meu filhotinho Bryan. Isso mesmo, o Bryan e meu filho.

Já passamos por muitas dificuldades nas ruas. Eu e meus filhotes vivíamos no interior do Espírito Santo, perto de uma cachoeira. Sabem amiguinhos era tudo muito difícil e assustador, pois eu não encontrava comida para mim e nem para os meus filhotes. Até que um dia as tias vieram nos salvar.


Hoje eu sei que elas queriam nos ajudar, mas no dia eu e meus filhotes ficamos com muito medo e demos muito trabalho para as tias. Foi um resgate muito difícil.


No abrigo eu e meus filhotes chegamos muito fraquinhos. Eu tinha mais dois lindos filhotinhos além do meu Bryan, mas infelizmente eu os perdi. Eles morreram de cinomose. As tias fizeram de tudo para salva-los, só que essa doença é muito difícil.



Hoje somos apenas eu e meu Bryan. Eu e meu filhinho nós amamos muito e por isso a nossa adoção precisa ser conjunta. Talvez por isso as pessoas tenham um pouquinho de receio de nos adotar.


Já estamos vivendo aqui cerca de dois aninhos, mas é como as tias falam se vocês pudessem conhecer a gente de perto tenho certeza que vocês vão se apaixonar. Somos super carinhosos, de pequeno porte, fofinhos e amamos brincar. Vivemos super bem em apartamento e somos muito tranquilos.



Mestre - Cachorro, macho

No Patinhas desde Fevereiro de 2019


Fala galerinha linda! Eu sou o Mestre, um cachorrão super lindo e carinhoso.


Fui abandonado antes do carnaval de 2019 numa caixa de papelão junto com oito irmãos, todos lotados de carrapato. Chegamos ao abrigo com verminose e muito fraquinhos. Um dos meus irmãos infelizmente morreu no dia do resgate, pois já estava muito debilitado.


As tias do abrigo falam que minha ninhada foi bem difícil, pois além da doença do carrapato, tínhamos cinomose que é uma doença muito cruel, principalmente para filhotes. Foi feito todo possível para nos salvar, mas é uma doença muito agressiva. Dos sete sobreviventes, apenas quatro foram fortes e venceram a cinomose. Entre eles sou eu, o guerreiro Mestre.



Eu consegui sobreviver e hoje meu maior sonho é viver feliz e ganhar uma linda família só para mim! Sou o último da ninhada não entendo por que todos os meus irmãos foram adotados e eu não. Claro que eu fiquei muito feliz por eles, mas eu também queria ser adotado, quer dizer ainda quero!


Será que eu tenho chances? Você por acaso quer ser minha nova família?



Simba - Cachorro, macho

No Patinhas desde Novembro de 2017


Fala meus amigos! Tudo beleza? Me chamo Simba.

Galera eu cheguei aqui no abrigo ainda na barriga da minha mãe! Meus irmãos e minha mamães já foram adotados muito tempo atrás. Só eu fiquei aqui no abrigo sozinho.

Eu sou um cachorrinho muito legal, viu?! As tias me acham maneiro mesmo, e não só porque sou o “filho” delas! Eu sou um cachorrão super lindo, forte, gosto muito de brincar e tenho muita energia. Amo receber carinho e passear!


Eu sei que eu sou um cachorro grande e às vezes isso dificulta a minha adoção só que, apesar disso, eu também quero uma família. Eu mereço uma chance de ser feliz! Você pode vim aqui me conhecer? Eu prometo que vou ser um bom garoto!



Juca - Cachorro, macho

No Patinhas desde Outubro de 2018


Oi galerinha! Meu nome é Juca e eu sou o cachorro mais simpático do abrigo. Sou lindo, amo brincar, correr e amo receber carinho. Sou um cachorro muito companheiro.


Eu cheguei aqui em 2018 junto com a minha mãe e meus irmãos. Fomos todos adotados. Cada um foi ganhou uma família, mas eu infelizmente, por motivos pessoais dos meus antigos dono, fui devolvido. Eu fiquei muito triste!


Desde então sigo morando aqui no abrigo. Sabem amigos, adoções de cachorros adultos são difíceis, mesmo eu sendo um cachorro tão maravilhoso como eu.


De qualquer forma eu não vou perder a esperança. Sou doido para receber colo todo dia o dia todo! O dia da minha adoção ainda vai chegar...



Mel - Cachorro, fêmea

No Patinhas desde Setembro de 2018


Oi pessoal! Eu sou uma linda cachorrinha chamada Mel. Sou um doce mesmo!

Eu cheguei aqui no abrigo já tem mais de dois anos. Eu vivia nas ruas e estava doente. Eu não sabia o que eu tinha, mas eu sentia muitas dores, estava bem doente e com muito medo. Até que um dia uma tia muito legal me resgatou.


Quando cheguei aqui no abrigo as tias cuidaram muito bem de mim. Me levaram ao veterinário e logo comecei meu tratamento. Tive que passar por várias sessões de quimioterapia, mas hoje estou completamente curada!


Porque eu já passei por tanta dor, dificuldade e tristeza na minha vidinha, eu tive que aprender a confiar novamente nas pessoas. Apesar de ser super charmosa e amorosa, às vezes tenho um pouquinho de medo de pessoas que eu não conheço, mas se a pessoa tiver paciência comigo eu viro sua melhor amiga!


Hoje o meu maior sonho é finalmente ser adotada e ser muito amada!



Milli & Bart - Mãe e Filho

No Patinhas desde Junho de 2014


Oi galerinha linda! Eu sou a Milli, a mamãe do Bart. Hoje eu vim aqui contar a nossa história.


Eu era usada como matriz em um canil clandestino, ou seja, eu era obrigada a sempre ficar grávida. Eu ficava presa sem nenhum cuidado veterinário, com pouquíssima comida tanto que eu precisava me alimentar das próprias fezes, com água suja e sem banho. Eu servia apenas para dar cria e era forçada a ter uma cria atrás da outra. Fui muito explorada durante muitos anos. Infelizmente isso acontece com todos os animais de canis clandestinos. A minha história é a história de muitos!


Mas meu tormento acabou em 2014 quando as tias do abrigo Patinhas Carentes me resgataram. Pela primeira vez tomei um gostoso banho e comi uma comida muito gostosa. Um tempo depois as tias do abrigo perceberam que eu tinha alguma coisa diferente e na minha primeira consulta ao médico veterinário as tias descobriram que eu estava gravidinha, mas desta vez, pela primeira vez, eu dei cria na segurança do abrigo. Assim que nasceu o meu querido Bart.


Todos meus filhotes desta cria foram adotados menos o Bart. Eu e ele ficamos no abrigo desde então. Bart cresceu junto comigo e com isso ficamos muito ligados um ao outro. Eu não consigo viver sem ele!


Nossa adoção precisa ser conjunta, ou seja, o adotante precisa adotar nos dois juntos para garantir a nossa felicidade. Eu sei que uma adoção conjunta é muito difícil de acontecer e meu Bart ainda acabou desenvolvendo uma personalidade forte. Ele demora para confiar em pessoas novas o que dificulta ainda mais a adoção, mas não vamos perder a esperança.


Eu e meu filho queremos muito ganhar uma família, somos muito bem tratados aqui no abrigo, mas temos o sonho de viver em um lar amoroso.



Os Gatos Encalhados no Abrigo




Black - Gato, fêmea

No Patinhas desde Novembro de 2018


Olá meus queridos amigos! Sou a Black.

Fui resgatada em Novembro de 2018 junto com os meus filhotinhos. Meus amados filhos foram todos adotados e eu fiquei sozinha aqui no abrigo. Já estou aqui no abrigo há três anos. Eu acho que ninguém quer me adotar por ser uma gatinha preta, mas eu não dou azar, ao contrário, dou muita sorte!


Estou muito ansiosa para ser adotada. Não vou perder as esperanças minha família vai chegar! Recadinho, eu não tenho muita paciência com outros gatinhos então preciso ser filha única.



Marú - Gato, fêmea

No Patinhas desde Janeiro de 2019


Oizinho pessoal! Eu sou a Marú e fui resgatada por uma tia do abrigo Patinhas Carentes. Eu e meus três filhotes. Ficamos morando um tempinho na casa dessa tia e depois ela levou a gente para morar no abrigo. Meus amados filhotes já foram adotados, cada um ganhou uma família. Eu fiquei aqui no abrigo e sinto saudades dos meus filhos, me sinto sozinha.​


Eu sou uma gatinha um pouco medrosa, pois eu já sofri muito nas ruas, mas posso garantir que quando a minha família chegar eu vou ser a gatinha mais grata e feliz do mundo.Para me conquistar basta ter carinho, um pouquinho de paciência e claro, muuuito amor.



Ariel - Gato, fêmea

No Patinhas desde Maio de 2019


Tudo bem com vocês? Sou a Ariel! As tias me resgataram das ruas e me deram uma segunda chance de vida. Desde então eu vivo aqui no abrigo.


Já passei por várias feiras de adoção, mas ainda não ganhei uma família. Isso me deixa triste. Amigos eu sou uma gatinha tímida, então preciso de um tempo para conseguir ficar amiga das pessoas, mas posso garantir que sou uma boa gatinha. Sou calminha e gosto de brincar, só preciso que a pessoa tenha paciência comigo.


Você sabia que as tias escreveram um passo a passo de como adaptar um gato recém adotado ao novo lar? Tenho certeza que as informações desta matéria vão ajudar bastante na minha adaptação. Você aí, não queria tentar?


Espero que a minha família chegue logo para eu finalmente ter o meu final feliz!



Felipe - Gato, macho

No Patinhas desde Setembro de 2017


Olá meus amigos! Me chamo Felipe e sou um gatinho muito carinhoso, amoroso, calminho e super companheiro.


Eu fui resgatado das ruas em Setembro de 2017 e desde então vivo aqui no abrigo. No início sou um pouco tímido, mas depois de conhecer a pessoa sou muito carinhoso mesmo. Eu amo comer e por isso sou um pouquinho gordo, mas na verdade isso só faz de que tem mais barriguinha para fazer carinho! Ah, eu amo carinho na bochechinha também!


Amigos já vivo aqui há quatro anos! Às vezes eu fico pensando será que eu não mereço uma família?


As tias me falaram que eu mereço sim uma família super carinhosa assim como eu. Então não vou perder a minha esperança e vou ficar aqui torcendo pela minha família vim aqui me adotar logo.



Loiro - Gato, macho (Felv+)

No Patinhas desde Agosto de 2018


Meu nome é Loiro e eu sou o gato mais lindo do mundo!

Sou um gato grandão, gordinho, muito amoroso e amo conversar com as pessoas. Se algum humano fala comigo eu começo a miar e fico pedindo carinho! Eu sou muito simpático mesmo. Eu vivia nas ruas perto do abrigo e sempre ficava pedindo comida para as tias até que um dia as tias me resgataram. Hoje eu estou vivendo aqui e fico sonhando com o dia que eu vou ser adotado!


Sou positivo para Felv o que significa que não posso conviver com um gatinho que seja negativo. A Felv (Leucemia Felina) é uma doença exclusiva dos felinos, que pode afetar meu sistema imunológico e, infelizmente, ainda não tem cura. Essa doença não é transmitido para humanos ou para outros animais (cachorro, coelho, papagaio, passarinho e etc.), somente para gatinhos e por isso só posso ser adotado por uma família que não tem outros gatos ou que tem gatos que são positivos para Felv também.


Mas não se preocupe, posso viver uma vida normal e saudável. Só preciso de um lar calmo e sem estresse e uma família amorosa que me ame como sou.

Sabia que donos de gatinhos positivos para Felv relatam perceber que somos mais amorosos? Mas é mesmo porque somos gratos pela chance de ter uma família que nos ama! Dê uma chance ao felvinhos!



Catarina - Gato, fêmea

No Patinhas desde Setembro de 2019


Oiiii pessoal lindo! Eu sou a Catarina a pretinha mais linda do pedaço.

Amigos eu cheguei no Patinhas Carentes ano passado quando estava gravidinha. Eu tive meus filhotes aqui no abrigo. Desde então eu vivo aqui e sigo sonhando com o dia que eu vou ganhar uma família! Eu tenho uma pelagem fora dos padrões e olhos verde-água que chama atenção de qualquer um, mas vou te falar que por trás de tanta beleza existe uma personalidade! Sou muito tímida, aceito um pouco de carinho mas no meu tempo, quando estou a fim. Eu preciso de uma família que entenda meu perfil, tenha paciência, amor e respeito do meu tempo.

Você que está aí do outro lado não gostaria de dar uma chance para uma pretinha linda? Prometo que eu não dou azar, muito pelo contrário, eu dou muito amor!



Saiba Como Ajudar


É isso aí pessoal. Vocês acabaram de conhecer os nossos amados “encalhados do abrigo”. São verdadeiros anjinhos que por diferentes e tristes motivos acabaram ficando conosco por mais tempo que eles merecem.


O que eles realmente merecem e precisam é de uma família maravilhosa! Será que pode ser você?


Para conhecer um deles ou agendar uma visita ao abrigo basta entrar em contato. Quem sabe, as vezes você acaba se apaixonando e ganhando um novo melhor amigo.


Por favor, compartilhe a nossa matéria e ajude os nossos animais a encontrar um lar!

297 visualizações
PatinhasCarentes_logo.png

Buscamos fazer do abrigo um recomeço para animais resgatados!

© 2020 by Patinhas Carentes (Vitória- ES)  |  Termo de Adoção

Concept and Webdesign - Instituto Últimos Refúgios

PatinhasCarentes_Favicon.gif